Ter uma gestão de estoque e dos custos é fundamental para obter bons resultados em uma empresa. Entretanto, muitos empreendedores acabam deixando de lado a administração do estoque, por acreditarem que não é uma atividade muito importante.

Esse é um erro muito grande, pois a falta de controle sobre ele pode prejudicar de diversas formas o funcionamento do negócio, levando inclusive o empresário a ter a perdas financeiras.

Por isso, vamos explicar quais são as vantagens de manter uma gestão de estoque e custos eficientes e como fazê-la. Confira!

Por que é importante ter uma boa gestão de estoque?

Uma gestão de estoque eficiente garante que o empresário terá os produtos necessários, nas quantidades ideais, para atender às demandas de seu mercado. Ou seja, ele não terá nada em falta ou excesso e será capaz de aceitar os pedidos de seus clientes.

Isso é bastante positivo, pois o empreendedor não perderá oportunidades de negócio e ainda economizará dinheiro ao comprar produtos ou matérias-primas na quantidade certa e não em demasia.

Além disso, é importante ter uma boa gestão de estoque, porque ela dá previsibilidade para sua empresa e reduz outros tipos de perda, como por vencimento do produto ou até mesmo por roubo. Como os colaboradores da empresa são capazes de adiantar as demandas, também é possível diminuir os custos ao negociar preços com fornecedores.

Como manter uma gestão eficiente

Para ter uma boa administração de estoque e alcançar as vantagens citadas acima, é preciso cumprir certas atividades. Por isso, a seguir, daremos 5 dicas de como você pode manter uma gestão eficiente de seu estoque!

1. Faça um inventário

Para ter uma gestão eficiente, em primeiro lugar, você deve saber o que há em seu estoque. Deixe uma equipe responsável pela verificação das mercadorias e peça para ela anotar todos os produtos que estão no estoque e as quantidades de cada um.

De acordo com as comercializações da empresa, os colaboradores responsáveis pelo inventário devem fazê-lo mais uma vez. Assim, você é capaz de comparar ambos e observar diversos itens importantes, como quais mercadorias saem bastante e quais ficam paradas no estoque.

Em posse dessas informações, é possível saber o que será necessário comprar em maior quantidade e o que pode ser comprado em menor, para que não haja desperdício ou prejuízo. Dessa maneira, o seu capital de giro será mais exato.

Com um bom inventário, você também é capaz de planejar outras ações para obter mais lucros, como ofertas para vender os produtos que estão parados no estoque.

2. Calcule seus custos com o estoque

Outra ação fundamental que deve ser realizada para manter uma gestão eficiente do seu estoque é calcular os custos que sua empresa tem com esse item. Para fazer a estocagem de produtos, por exemplo, é necessário alugar um almoxarifado, contratar uma equipe de funcionários, investir em logística, sistemas, entre outros.

Sendo assim, calcule qual é o total de gastos com o seu estoque e estude maneiras de tornar os processos mais eficientes. Dessa forma, os seus recursos serão mais bem utilizados.

3. Defina as datas de compra

Com um bom inventário, você consegue observar o desempenho de cada produto e o comportamento dos seus consumidores. Com esses dados, a sua empresa é capaz de prever quando as mercadorias serão necessárias e em quais quantidades.

Por exemplo, se há algum produto seu que sai bastante no fim de ano, você pode observar isso em seu inventário. Isso é muito bom, porque assim, sua equipe pode fazer o pedido com antecedência e conseguir preços melhores pela peça. Quando as solicitações são feitas de última hora, isso não acontece, já que os fornecedores sabem que você não tem muitas opções sobrando.

Definir as datas de compra cedo também é bom, pois você pode estudar a proposta de mais de um profissional e escolher aquela que mais lhe agrada. Bons fornecedores são essenciais para o seu sucesso, então vale a pena pesquisar antes de fechar negócio.

4. Realize queimas de estoque

Como foi dito, oferecer descontos na compra de produtos que estão parados no estoque é uma boa maneira de reduzir o seu prejuízo. Coloque-os à venda por um preço mais baixo, limpe-os de seu almoxarifado e deixe espaço para aqueles itens que são mais valorizados por seus clientes.

Além de diminuir perdas, fazer queimas de estoque também é uma boa ideia quando sua empresa precisa de capital rápido e fácil. Mesmo que você tenha que vender a mercadoria por um preço inferior, a estratégia pode compensar, pois o seu capital de giro vai aumentar.

E se você tiver que finalizar uma negociação ou realizar um investimento, esse dinheiro pode ser fundamental.

5. Tenha um bom software de gestão

A tecnologia pode auxiliar bastante na gestão de estoque e torná-la muito mais eficaz. Por isso, ter um bom software de administração acaba sendo fundamental para as empresas que desejam aprimorar o controle sobre seus estoques e custos.

Com um sistema adequado, a sua equipe conseguirá controlar tranquilamente o que entra e sai de sua estocagem, ver o que está faltando e o que está sobrando no almoxarifado. Todas essas atividades são mais acessíveis e são feitas de forma mais rápida e eficiente quando comparados aos meios antigos, como listas manuais. Ou seja, o sistema tecnológico auxilia a sua empresa a economizar tempo e dinheiro.

Um bom software ainda faz a integração do seu estoque com outros setores, o que facilita o acesso à informação. Sendo assim, profissionais de outros departamentos podem verificar dados, de maneira ágil, antes de tomar uma decisão. Isso é ótimo, pois as deliberações passam a ser mais exatas.

Além disso, nesse cenário, o gestor tem uma visão mais ampla do negócio todo e, assim, é capaz de administrar melhor a instituição. Então, conclui-se que uma gestão eficiente do estoque e dos custos traz apenas vantagens para uma empresa.

Se você ainda não faz uma administração adequada desse setor, está na hora de começar, caso queira obter melhores resultados. Para alcançá-los, será necessário seguir as dicas que demos aqui.

Sendo assim, você terá que procurar um software apropriado para lhe ajudar na gestão. A RSC Inovação oferece aos seus clientes a Frente de Caixa (PDV), que possui diversos objetivos, entre eles o controle de estoque dos produtos.

Entre em contato conosco e saiba mais sobre essa solução que pode ser ideal para a sua empresa!