4 dicas para você usar o WhatsApp na sua loja online

WhatsApp já se consagrou como um importante aliado da loja onlline

Uma matéria da Revista Exame mostrou que 8 em cada 10 brasileiros utilizam o WhatsApp para comprar ou vender produtos e serviços. A publicação ainda informa que, na América Latina, o Brasil é o país que mais usa o aplicativo como ferramenta de compras.

Esses dados só comprovam o que todos nós já sabíamos: os aplicativos -e as redes sociais- são importantes ferramentas para o micro, o médio e o grande empresário.

Não importa o tamanho, formato ou segmento da sua empresa, ter a tecnologia ao seu lado pode trazer muitas vantagens e ser um fator de decisão para o consumidor na hora da compra.

Pensando nisto, a RSC preparou 3 dicas para você aproveitar todo o potencial que essa plataforma tem e conseguir aumentar o número de vendas da sua loja online.

1. WhatsApp para quem vende

Assim como nas redes sociais, o primeiro passo é criar uma conta no WhatsApp exclusiva para sua empresa. Mesmo que seus clientes te contatem pelo seu contato pessoal, é crucial que você tenha um número só para os negócios.

WhatsApp Business

Para isto, já existe uma versão do aplicativo só para empresas, o WhatsApp Business. Essa versão também é gratuita, mas foi desenvolvida pensando nos empreendedores.

O Business possui muitas ferramentas além das que estão disponíveis na versão clássica. Uma delas é a criação de um perfil comercial com informações do seu negócio, como horário de funcionamento, endereço e link para o site.

O app também disponibiliza uma espécie de vitrine virtual, onde o empresário pode expor seus produtos com todos os detalhes, inclusive o preço.

WhatsApp Bussiness API

O WhatsApp Business API é uma versão ainda mais avançado do aplicativo para empresas. Ele é indicado para negócios maiores, que possuem um ritmo alto de conversação e de vendas por meio da plataforma.

A tradução de API para Português é: Interface de Programas Aplicativos. Ou seja, é um esquema de integração entre aplicativos. Essa versão é paga e pode ser submetida à verificação. Com isso, o perfil passa a ser oficial e ganha mais confiança do consumidor e da plataforma.

Para definir qual é a melhor opção, entenda qual o ritmo de vendas do seu comércio e escolha uma das duas opções. Se você está começando um negócio ou possui um fluxo considerável, opte pela versão simples do WhatsApp Business.

2. Atendimento pelo WhatsApp

Lista de transmissão

A lista de transmissão é uma ferramenta bastante usada por quem costuma enviar mensagens para um número alto de pessoas. Ela está disponível em todas as versões do aplicativo e serve para que você envie uma mensagem para vários contatos.

Com ela, em uma mesma janela de chat, diversas pessoas recebem a mesmo conteúdo e, ao responde-la, um nova janela individual é criada, diferente do que ocorre com os grupos.

É importante destacar que, mesmo sendo criptografado, o WhatsApp possui um sistema de identificação e combate aos spams. Isto é, mensagens automatizadas enviadas para vários destinatários sem que eles tenham solicitado.

Por isso, é essencial que seus clientes te adicionem como contato para que a conta business não sofra algum tipo de sansão por usar essa ferramenta.

O empreendedor deve usar a plataforma para estreitar o relacionamento com o cliente, e isso inclui o envio de conteúdos interessantes. Mas também é necessário tomar as precauções recomendadas.

Uma dica para fazer com que os clientes te adicionem é criar uma promoção integrada ao WhatsApp. Para participar dela, o cliente deve contatar o número do WhatsApp da loja e informar o nome completo, por exemplo. Dessa forma, você evita problemas com a plataforma.

Uso de chatbots, mensagens rápidas e automáticas

Chatbots são sistemas que, com mensagens automatizadas, interagem com os clientes. Eles já existem há algum tempo, mas têm se popularizado cada vez mais com o WhatsApp Business e com os boxes nos sites empresariais.

Os chatbots simulam uma conversa humana e fazem uma triagem das solicitações dos clientes. Você pode personalizar as mensagens enviadas por este programa, de acordo com o seu relacionamento com os contatos. Essa ferramenta só está disponível para a versão paga do mensageiro.

No caso das respostas rápidas, o empreendedor cria uma lista de possíveis conteúdo a serem enviados aos usuários. Assim, sempre que alguém enviar uma mensagem no aplicativo, com um comando básico, “/1”, por exemplo, ele seleciona e envia a resposta referente àquela ordem.

Já as mensagens automáticas, assim como as respostas rápidas, estão disponíveis para todos as contas business e são conteúdos enviados, assim que o cliente manda uma solicitação para o número. O lojista deve criar esses textos ao seu modo e, inclusive, disponibilizar outras formas de contato nela, como o site.

Desta forma, quando uma pessoa enviar uma mensagem no WhatsApp, automaticamente, a plataforma responde com outra, que você deixou automatizada.

Então, você pode planejar uma integração com a sua loja online e criar um comando para que seus clientes recebam o andamento das respectivas compras.

WhatsApp Web

Assim como as outras versões pessoais do mensageiro, o WhatsApp Business tem acesso ao WhatsApp Web. Ele é vantajoso, pois dispensa a necessidade de se fazer o atendimento pelo celular.

Além disso, há também a versão para PC, em que se instala o software no desktop, sem que haja necessidade de usar o navegador para envio de mensagens. Essa versão também é interessante porque ela emite uma notificação sempre que uma nova mensagem é recebida no app.

3. Conteúdo para WhatsApp:

Como abordamos no post sobre como fazer sucesso nas redes sociais, existem diversos muitos conteúdos que podem ser usados em outras plataformas e também no WhatsApp. Enviando o link da rede social pelo mensageiro, você incentiva que os clientes acessem a sua rede social, o que pode gerar engajamento.

Mas, além disso, é importante que se crie conteúdos específicos para o app. Por isso, entenda quais formatos – um catálogo, por exemplo – o seu público gosta mais. Isto é essencial para que o app seja seu parceiro nessa jornada de compra.

4. Vendas pelo WhatsApp:

O ideal é que o processo efetivo de venda seja feito por meio de uma plataforma de loja online. Entretanto, você pode usar o app para enviar links para pagamentos. 

Isso é um pouco diferente do que conhecemos, afinal as máquinas de cartões estão por todos os lugares. Mas, através do cadastro em uma plataforma de pagamentos, como o Mazi Pay, o lojista cria um link contendo os dados de pagamento e envia ao comprador.

Com este link, o cliente pode escolher qual é a melhor forma de pagamento, seja por cartão, boleto, transferência bancária etc. Em muitos casos, não há custo financeiro para o lojista e, mesmo o cliente pagando em parcelas, ele recebe o valor à vista e na hora.

Agora que você já sabe como o WhatsApp pode te ajudar na loja online, envie uma mensagem para os nossos consultores e saiba outras possibilidades dele em sua loja virtual.

link ebook

Wesley Santana

Jornalista, redator de Tecnologia e pesquisador de Ciberativismo.

Você pode gostar...